Cada vez mais os acessos "internet banda larga" estão sendo disponibilizados no Brasil.

 

Temos as operadoras Telefônica, Brasil Telecom, e Telemar; as operadoras de tv por assinatura a cabo TVA e Net e, para os que moram em recantos (quase sempre melhores para viver dos que as nossas grandes e perigosas cidades) temos a Star-One por satélite.

 

Se você é um feliz possuidor de um destes sistemas e navega satisfeito no seu micro a uma velocidade impensável a alguns anos, saiba que você poderia estar compartilhando seu acesso com o micro do seus filhos ou, no caso de uma pequena empresa, todos os micros poderiam estar acessando a internet e os emails.

 

Antes de irmos em frente, saiba que quem lhe fornece o acesso não gosta nem um pouco que você o compartilhe mas, se você mesmo assim quiser continuar, saiba que está avisado e deve seguir por sua conta e risco!

 

Este artigo está focado, principalmente, no LRP - Linux Router Project. Este projeto visa a montar um roteador (mais tarde entenderemos o que é isto) com peças de sucata. Vamos precisar de uma placa-mãe com um processador 486, 12MB de memória, placa de vídeo e um drive de 1.44. Estes componentes devem estar montados em um gabinete e, lógicamente, funcionando. 

 

Durante a configuração também precisaremos de um monitor e um teclado. Depois que tudo estiver funcionando poderemos retirar o monitor e o teclado.

 

Vamos também falar do compartilhamento por um PC rodando Windows98, Me ou 2000 e mostraremos um roteador comercial que faz o que o nosso LRP faz a um custo bem maior.

 

Então por ordem de custo poderemos listar as nossas opções:

 

Um PC já existente rodando Windows. Só precisamos de uma placa de rede adicional. Custo: cerca de 40 reais

O nosso 486 rodando LRP. Custo: de 0 a uns 100 reais
Um roteador comercial. Custo: de 700 até mais de 1000 reais

 

Este artigo está sendo desenvolvido. Logo você poderá clicar nas bolinhas acima e ser direcionado a novas páginas onde serão apresentadas as soluções.

 

Gostaríamos de compartilhar experiências e, se você, já fez algo nesta área nos escreva e teremos prazer de colocar suas experiências aqui.

 

 

Count © 2004 AD-INFO Consultoria em Informática